Faculdade de Psicologia

By | 18 de janeiro de 2013

Um curso superior é dividido por áreas e então essa área é estudada profundamente. Não é um lugar voltado para generalistas e sim para especialistas. O universitário aprende todos os detalhes, todos os procedimentos e todos os meandros do curso que ele escolheu, por exemplo, na faculdade de Direito, o universitário passa a ter uma noção de política, mas o que ele compreende mesmo e aprende todos os detalhes é o Direito, suas origens, seu ofício, seu mercado de trabalho e por aí vai.

Nesse mesmo cenário temos a faculdade de psicologia. Onde os universitários aprendem a lidar com o comportamento humano, entender como a mente funciona compreender o que pode ser feito pela saúde mental de uma pessoa, sem utilização de métodos radicais, pois aí entraremos na psiquiatria, o que não é o caso.

O curso em si é bem teórico, repleto de conhecimentos pautados em observações de antigos cientistas que se dedicaram nesta área como Jung e Freud, mas não é apenas um curso de papel e caneta, existe também a parte prática, as dinâmicas, a avaliação da mente humana ao redor.

Entre as universidades públicas existem excelentes cursos de psicologia e hoje em dia a concorrência é grande, mas não é tanta quanto parece, basta um pouco de dedicação, mas se for optar por faculdades particulares ainda é possível que se encontrem boas escolhas, basta pesquisar bem sobre a faculdade que se quer e lembrar-se de que está modelando seu futuro.

O ramo da psicologia é muito versátil, grande parte das pessoas enxerga o psicólogo como empregado de uma ou mais clínicas onde ele presta consultas e recebe por isso, mas na verdade não funciona bem dessa forma.

O psicólogo além d ter esta opção de trabalho pode também montar sua própria clínica ou ainda pode migrar para ramos mais divergentes deste, como por exemplo, trabalhar com a polícia, pois eles utilizam bastante o trabalho dos psicólogos em casos criminais. Ainda é possível que o psicólogo trabalhe na área de recrutamento e seleção de uma empresa, pois este é um ramo que só consegue prosperar com o trabalho de um psicólogo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *